Com os objetivos de prevenir acidentes e de reduzir os riscos de doenças associadas ao trabalho, as empresas precisam organizar anualmente uma Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (SIPAT).

A realização desse evento é estabelecida pela Comissão Interna de Previsão de Acidentes (CIPA), órgão que apoia e orienta as empresas quanto à aplicação das normas de segurança do trabalho.

A SIPAT contribui, entre outras coisas, para a manutenção da saúde dos colaboradores. Por isso, é necessário investir em estratégias para conscientizá-los de que a prevenção de acidentes de trabalho resulta, sim, em inúmeras vantagens para a empresa, mas que são eles os mais beneficiados.

Se você está em busca de medidas que ajudem a minimizar os riscos de acidentes em sua empresa e que também exerçam influência na conscientização de seus colaboradores quanto à relevância desse tema, você está no caminho certo. Continue acompanhando o post e saiba como organizar uma SIPAT. Boa leitura!

Qual a importância da SIPAT?

Além de promover a qualidade da saúde e o bem-estar do trabalhador, a SIPAT colabora na redução do absenteísmo — número de faltas ao trabalho — por motivos de acidente ou problemas de saúde ocupacional.

Dessa forma, a semana de conscientização sobre a prevenção da saúde laboral pode implicar na melhoria da produtividade em todos os setores da empresa: a participação do trabalhador em palestras, discussões e demais atividades propostas pela CIPA despertam-no para a responsabilidade de executar suas tarefas com mais cuidado e atenção.

A realização da SIPAT também ajuda a reduzir custos para a empresa e para os órgãos públicos de assistência ao trabalhador ― as despesas relativas às indenizações por acidentes de trabalho no país são bem altas, e isso tem se tornado motivo de preocupação para os gestores.

Além de todos os benefícios que citamos, o evento adquire ainda mais relevância quando se consideram vantagens como:

  • aplicação das normas de higiene coletiva;

  • melhoria da ergonomia e da postura corporal;

  • discussão de temas associados à segurança no trabalho;

  • integração entre as equipes de trabalho de diferentes setores;

  • incentivo ao uso correto dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs);

  • prevenção de doenças crônicas, como Lesão por Esforço Repetitivo (LER);

  • reforço de aprendizados sobre a importância da prevenção da saúde do trabalhador.

Analisar a necessidade de a empresa investir em segurança do trabalho e de realizar a Semana Interna de Prevenção de Acidentes torna-se fundamental, já que alguns benefícios resultantes desse evento podem não ser percebidos com clareza.

Nesse sentido, possibilitar a ampla discussão quanto à relevância da participação dos colaboradores é essencial para conseguir bons resultados.

Como organizar uma SIPAT?

A organização da SIPAT é necessária para que o colaborador entenda os riscos de acidentes aos quais está exposto caso não siga as normas estabelecidas. Por meio de palestras, incentivo à obediência às sinalizações e aos alertas de segurança, é possível reduzir os acidentes de forma bem significativa.

Porém, para que o evento atinja suas metas, é preciso atenção a alguns detalhes.

1. Definir a melhor data

É preciso ter atenção na escolha de datas para eventos corporativos. Verifique se há feriados prolongados, pois o ideal é que a SIPAT seja realizada em dias de trabalho. Analise também a melhor opção conforme a disponibilidade de seus palestrantes ou das pessoas que possuem agendas muito concorridas.

2. Divulgar com antecedência a programação da semana

Divulgar antecipadamente um evento é essencial para promover o interesse das pessoas pela programação, pois permite que elas se planejem. Atividades físicas, como alongamento, yôga e ginástica, grupos de discussão sobre reeducação alimentar, palestras sobre riscos do sedentarismo e orientação em saúde são boas alternativas para incluir na SIPAT.

3. Oferecer atividades em horários alternativos

A realização de atividades associadas à qualidade de vida no trabalho também se mostra como uma ação preventiva e que motiva o envolvimento dos colaboradores: a prática de ações que estimulam hábitos de vida saudáveis favorece a redução do estresse, aumenta a concentração e previne acidentes no local trabalho.

Porém, para obter êxito nessa investida, trabalhe junto à CIPA, organize a SIPAT com antecedência, reúna a equipe de coordenadores e ofereça atividades em horários alternativos para facilitar a participação de mais pessoas.

4. Convidar palestrantes influentes

Convidar palestrantes que tenham domínio sobre o tema a ser abordado é essencial. A participação de médicos influentes, professores de boas universidades ou empresários de sucesso garante informações adequadas e orientações mais seguras.

Priorize, então, o envolvimento de profissionais especializados na área para garantir o foco na preservação do principal patrimônio da empresa: a segurança, a saúde e o bem-estar de todos.

5. Escolher um tema de interesse geral

Escolher um tema de boa abrangência e que tenha conteúdo relevante ajuda a aumentar o interesse e a participação dos funcionários. Até mesmo para facilitar a presença de palestrantes, a escolha de um bom tema é fundamental.

6. Incentivar a participação da família dos colaboradores

Para garantir a participação do maior número de pessoas possível, é necessário planejar e organizar a SIPAT com bastante antecedência, como mencionamos. Usar a criatividade para chamar atenção para o evento também conta pontos para alcançar as metas da semana.

Estimular a presença das famílias dos funcionários no evento, em geral, sinaliza resultados positivos. Considere que essa pode ser a oportunidade para a empresa abrir as portas às novas possibilidades de retenção de talentos ao promover a confiança no relacionamento com seus colaboradores.

7. Escolher coordenadores competentes

O planejamento adequado é fundamental para o sucesso na hora de elaborar a SIPAT, e o trabalho em conjunto com pessoas competentes para auxiliar no evento é determinante para evitar imprevistos de última hora.

De modo a assegurar conforto e tranquilidade aos participantes, prepare adequadamente o local onde as atividades serão oferecidas. Observe detalhes técnicos como instalação elétrica, funcionamento e voltagem das tomadas, estado do ar-condicionado ou dos ventiladores e se há bebedouros e sanitários suficientes para os participantes.

Alcançar bons resultados ao organizar uma SIPAT pode estar mais ao seu alcance do que você imagina. Afinal, são muitos os benefícios que sua empresa e seus colaboradores podem desfrutar mediante a redução de acidentes ocupacionais, além da prevenção da saúde e do bem-estar dos envolvidos.

Agora é com você: tem alguma opinião ou dúvida sobre esse assunto? Deixe o seu comentário!