Estimular a produtividade no ambiente laboral, impulsionar o desempenho e reter os melhores talentos do mercado: essas são estratégias fundamentais para que uma empresa atinja o sucesso. E para conseguir implementar essas ações, é necessário adotar boas práticas de gestão de pessoas.

Para isso, é preciso realizar análises e avaliações de performance, saber liderar a equipe adequadamente, apostar em feedbacks positivos, investir em treinamentos sobre questões de segurança e saúde no trabalho, entre outras ações altamente relevantes para o cotidiano de uma empresa.

Neste conteúdo, separamos algumas dicas úteis sobre como fazer uma gestão de pessoas eficiente. Quer entender mais sobre o assunto? Então não deixe de conferir o artigo de hoje!

1. Realize avaliações periódicas de desempenho

Avaliar o desempenho de seus funcionários é uma das melhores formas de garantir a qualidade dos serviços e produtos oferecidos pela empresa. Portanto, é fundamental ter uma forma de controlar suas avaliações.

Considere, por exemplo, ter um sistema no qual possa acompanhar o desempenho de cada um dos seus colaboradores. Registre também o índice de satisfação dos consumidores pelo atendimento que receberam, assim como outros tópicos de relevância.

Isso facilitará a tomada de decisões, principalmente em aspectos críticos como a demissão de um funcionário, o aumento de salários ou a concessão de comissões e bonificações.

Vale lembrar, ainda, que as avaliações podem ser realizadas individualmente ou com toda a equipe. No segundo caso, peça a cada colaborador para definir metas pessoais. Depois, assegure-se de fazer com que essas metas sejam revisadas mensal ou trimestralmente.

A ideia é estabelecer projetos que possam ser atingidos em curto prazo, ou reter o foco nos objetivos da empresa. No entanto, é preciso manter a equipe motivada para que ela possa alcançar seus objetivos. Falaremos mais sobre esse fator adiante.

2. Seja um bom líder e uma fonte de inspiração

Há uma grande diferença entre ser chefe e ser líder. O líder sabe como agir para inspirar seus funcionários e jamais dá ordens e aguarda os resultados enquanto espera sentado.

Muito pelo contrário, o líder se envolve no desenvolvimento dos projetos, vestindo a camisa da empresa e buscando pelos melhores resultados ao lado de seus liderados.

Agindo dessa forma, mesmo diante de desafios e problemas cotidianos, os colaboradores o olharão como um símbolo de esperança e uma verdadeira fonte de inspiração.

3. Envolva os colaboradores na tomada de decisões

Uma das práticas de gestão de pessoas mais eficientes é envolver os membros da equipe no processo de tomada de decisões, pois isso terá um impacto motivador e os fará enxergar os problemas e as soluções da empresa a partir de uma nova perspectiva.

Vale mencionar também que essa estratégia ajuda a desenvolver o espírito de empreendedorismo que existe em cada trabalhador.

4. Receba bem e treine os novos funcionários

Não basta simplesmente contratar novos talentos para a sua empresa, é preciso saber recebê-los de modo que se sintam valorizados e integrados a um novo time. Para isso, vale a pena apostar no potencial deles para o sucesso e promover ações formais para desenvolver novas competências e adquirir conhecimentos relevantes.

Existem diversas maneiras de proporcionar esse tipo de crescimento, como:

  • estabelecer um programa de educação corporativa;

  • implementar treinamentos sobre questões como saúde e segurança no trabalho;

  • oferecer subsídios aos empregados que desejam se qualificar de outras maneiras — uma especialização ou um curso de idiomas, por exemplo;

  • aplicar palestras e workshops. 

Assim, não se esqueça: adotar medidas como essas pode ser decisivo na hora de acolher com sucesso seus colaboradores. 

5. Saiba dar feedbacks

Como realizar uma boa gestão de pessoas sem trabalhar com feedbacks, não é verdade? Sejam positivos ou negativos, o fato é que os feedbacks têm o poder de auxiliar na melhoria contínua da equipe.

Afinal, é por meio dos comentários e avaliações que os funcionários podem ter acesso, de maneira clara, aos aspectos que precisam mudar e ao que estão fazendo corretamente.

Portanto, mantenha uma comunicação transparente e aberta, ainda que o conselho ou o elogio possam parecer óbvios. Além disso, o feedback é capaz de demonstrar que o trabalho de cada profissional está sendo avaliado, acompanhado e valorizado.

6. Trabalhe a motivação

Um dos maiores fatores que afeta a produtividade e, por consequência, os resultados de uma organização é a falta de motivação de seus funcionários. Isso acontece por uma grande variedade de motivos, como:

  • problemas de engajamento na equipe;

  • falta de propósito;

  • dificuldade para se identificar com o trabalho que realiza;

  • insatisfação.

É nesse ponto que o líder deve desempenhar seu papel. É preciso que ele fique atento a tudo que o rodeia, em especial às mudanças. Caso a performance de uma equipe esteja baixa, é necessário entender os motivos e saber como lidar com a situação.

É importante destacar o fato de que o salário é um ponto de relevância, mas não é o único fator a interferir na questão. Grande parte dos profissionais são motivados por outros benefícios, como oportunidades de aprendizado, um trabalho desafiador ou uma jornada mais flexível.

Sendo assim, lembre-se também de:

  • mostrar que a empresa se importa com a saúde e o bem-estar de seus funcionários, implementando iniciativas de saúde e segurança no trabalho;

  • reconhecer e valorizar o trabalho realizado por meio de feedbacks positivos e desenvolvendo programas de premiação por resultado;

  • deixar claro que o líder não se considera superior à equipe, promovendo ações informais para que todos os membros sintam-se inclusos e estejam preparados para liderar no futuro;

  • demonstrar que o líder está disposto a investir no desenvolvimento profissional dentro da organização, apostando em projetos de treinamento e capacitação, além de planos de carreira a longo prazo.

Aos poucos, você vai notar que profissionais motivados podem fazer muito para o sucesso da sua empresa!

7. Saiba ouvir e saiba falar

Para finalizarmos este artigo, é fundamental abordar uma das práticas mais assertivas de gestão de pessoas: a comunicação.

De uma maneira geral, é preciso saber se comunicar com os colaboradores e fazer com que eles saibam que também têm voz ativa dentro da empresa. Ou seja, é preciso não apenas saber falar, mas também saber ouvir.

Quando um líder é capaz de ouvir o que seus liderados têm a dizer, ele pode identificar problemas que não são expostos abertamente, além de aumentar sua capacidade de gerenciamento da equipe. 

Como você pôde conferir no conteúdo de hoje, a gestão de pessoas é uma tarefa que exige muita compreensão, profissionalismo e espírito de liderança. É preciso saber se colocar no lugar de cada colaborador para tomar providências justas e éticas.

Agora que você já conhece as melhores práticas de gestão de pessoas, saiba também como fazer um relatório de inspeção para avaliar os riscos na sua empresa!